Boletim Comitê de Gestão da Crise – dia 6 de fevereiro

Em 07/02/2019 às 17:46:04


Boletim Comitê de Gestão da Crise – dia 6 de fevereiro

Em reunião realizada na manhã do dia 6 de fevereiro, o Comitê de Gestão da Crise recebeu representantes das universidades e cursos técnicos. Foram abordadas diversas possibilidades de medidas de colaboração entre o município e as instituições quanto ao transporte de alunos universitários.

Ficou definido que os alunos que exercem a posição de coordenadores do transporte intermunicipal de estudantes serão convocados para uma reunião para contribuírem na construção de alternativa viável para a manutenção do transporte de maneira colaborativa entre todas as partes. Esta reunião também terá a presença dos representantes das instituições de ensino.

Após este primeiro momento, a reunião do comitê continuou seus trabalhos sem a presença dos representantes das instituições de ensino.

Quanto ao transporte de alunos da rede estadual, a decisão da Prefeitura em não renovar a adesão ao programa para o ano de 2019, esta medida vai gerar uma economia em torno de 70 mil reais por mês, praticamente 700 mil reais por ano. Ressaltando que este transporte é de responsabilidade do Estado e o mesmo deverá assumir a prestação deste serviço. A contribuição do estado, referente a este programa, em 2018 seria de apenas 30% do investimento total, o que compreende 350 mil reais, porém o Governo Estadual deixou de pagar 260 mil reais referentes a esta despesa.

 No que diz respeito à área da saúde, um estudo apontou que as unidades de saúde concentram o atendimento médico geralmente no período da manhã, levando em consideração este dado, será reduzido o horário de atendimento. Por exemplo, o Materno Infantil, funcionará somente das 7h às 13h, tendo em vista que após este horário não existe nenhum atendimento médico no local. Será estudada a possibilidade de aplicação desta medida em outras unidades de saúde.

A Secretária Municipal de Planejamento, Gestão e Projetos, em reunião com representantes do Sindicato dos Servidores Municipais, conseguiu formalizar um acordo de adiar o aumento salarial que estava previsto para o mês de março.

O Secretário Municipal de Serviços Públicos e Transporte Interno apresentou as obras que estão em andamento que utilizam recursos próprios da prefeitura municipal, são elas: Ponte da Rua da Saudade, Ponte da Rua Paschoal Américo Vicentin, Centro de Zoonoses, reforma da Escola Municipal Daura Dagmar Lobo, reforma do Paço Municipal e reforma das instalações elétricas do Cemitério Municipal. Ficou definido que estas obras não serão interrompidas, pois a administração considera que uma obra parada gera mais custo que uma obra concluída.

À tarde o comitê voltou a se reunir, desta vez com participação de representantes das escolas estaduais, na ocasião foi explicado o motivo da decisão de não renovar a adesão ao programa de transporte de estudantes da rede estadual.

A próxima reunião do comitê está agendada para a próxima quarta feira dia 13 de fevereiro.

 


Comente esta notícia

Todos comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião da Prefeitura Municipal de Andradas. Para fins de identificação, para comentar este conteúdo é necessário ter uma conta no Facebook®.


Transparência


Prefeitura Municipal de Andradas

Praça 22 de Fevereiro, s/nº, Centro. CEP: 37795-000 | Andradas - MG

(35) 3739-2000

Atendimento ao público de segunda à sexta das 12h às 18h.


Abrir Menu
X